bem-estar

Citronela: uma aliada para o verão

17 jul 2023 | 4 min de leitura

A citronela é rica em óleos essenciais e possui várias propriedades que irão ser suas aliadas este verão. E sabia que pode cultivá-la em casa?


Vamos dar-lhe ideias e sugestões de utilização e acredite que a citronela vai mudar a sua relação com os mosquitos e outros insetos.

Para que serve e que tipos de citronela existem

A citronela é uma planta medicinal rica em óleos essenciais: o linalol, citronelol, citronelal, geraniol e cis-calameneno. A citronela tem várias propriedades:

 

  • repelente de insetos (atenção: a citronela não previne as picadas dos mosquitos, mas ajuda a mantê-los afastados)
  • aromatizante
  • antibacteriana
  • calmante.

 

 

O nome científico da citronela é Cymbopogon e existem 8 tipos diferentes de citronela:

 

1. Cymbopogon Nardus

É considerada a verdadeira citronela. É uma das espécies mais utilizadas para obter o óleo essencial.

 

2. Cymbopogon Winterianus

É muito utilizada como repelente de mosquitos devido à sua elevada concentração de óleos essenciais.

 

3. Cymbopogon Citratus

Mais conhecida por erva-príncipe, a Cymbopogon citratus é analgésica, antidepressiva e antibacteriana. Combate a transpiração, o pé-de-atleta e as infecções de pele.


Esta erva contém cerca de 70% de óleo essencial citral, que também se encontra na casca do limão e da laranja. Além de ser reconhecido como um sedativo, este óleo é também utilizado na indústria dos perfumes.

 

4. Cymbopogon Martini

Também conhecida como palmarosa, o seu óleo essencial é extraído por destilação a vapor.


Este óleo essencial é cada vez mais usado em aromaterapia e na área da cosmética. Tem excelentes propriedades para os cuidados da pele, para aliviar os músculos rígidos e doridos, e é calmante.

 

5. Cymbopogon Flexuosus

Também conhecida como capim-limão da Índia, tem propriedades calmantes e anti-espasmos, e por isso pode ser utilizada em casos de cólicas menstruais e intestinais. Devido ao mirceno, um dos princípios ativos do capim-limão, também possui ação analgésica.

 

6. Cymbopogon Bombycinus

Com origem na Austrália, ao contrário da maioria das citronelas, este tipo não é usado como repelente de mosquitos. É utilizada na área medicinal no combate à dor, e se a queimar, o seu cheiro ajuda a melhorar as constipações. É também utilizada na área da cosmética.

 

7. Cymbopogon Schoenanthus

Mais conhecida por capim-camelo e, tal como a anterior, não é usada como repelente de mosquitos. As suas propriedades ajudam a combater bactérias e fungos. Esta planta é nativa da Arábia Saudita, tolera altas temperaturas e não precisa de muita rega.

 

8. Cymbopogon Obtectus

Este tipo de citronela é usado para ajudar a melhorar as condições do solo e criar um ecossistema mais adequado para as outras plantas. O seu óleo também tem propriedades medicinais.

 

 

Como tratar da sua citronela

O óleo de citronela é usado para combater mosquitos e outros insetos irritantes, mas também como condimento e pelas suas propriedades medicinais. Além disso, as velas perfumadas de citronela são uma excelente opção para ter em casa.


Felizmente não é difícil ter citronela em casa. Além de solo fértil e rega diária, sem excesso de água, esta planta precisa de bastante sol ao longo do dia.

Cuidados básicos:

 

  • Estar num local onde recebe luz solar direta
  • Não ter água em excesso
  • Podar a planta
  • Fertilizá-la.

 

E existem perigos para si e para os seus animais de estimação?

Se tem animais não se preocupe. Limpar a sua casa com produtos de citronela pode ajudar a manter o lugar limpo, com ar fresco e longe de formigas, mosquitos e outros bichinhos e sem perigos para o seu animal de estimação.


Caso utilize citronela na sua pele tenha atenção caso surja vermelhidão, comichão, irritação, inchaço ou manchas na pele. Podem ser reações alérgicas. Lave a pele com bastante água, interrompa o uso da citronela e procure ajuda médica.

 

Se apresentar sintomas como dificuldade para respirar, sensação de garganta fechada, inchaço na boca, língua ou rosto, pode estar a ter uma reação alérgica grave. Procure ajuda médica imediata.

 

Quem não deve usar?

A citronela não deve ser usada por pessoas que tenham alergia à planta.
No caso de crianças, mulheres grávidas ou em amamentação, tenha atenção e informe-se quanto ao seu uso.

 

 

 

Os conteúdos apresentados não dispensam a consulta das entidades públicas ou privadas especialistas em cada matéria.

Achou este artigo útil?

Queremos continuar a trazer-lhe artigos úteis.

Obrigado pela sua opinião!

A sua ajuda é importante.

Salto Santander

Obrigado pela sua opinião!

Informação de tratamento de dados

O Banco Santander Totta, S.A. é o responsável pelo tratamento dos dados pessoais recolhidos.

O Banco pode ser contactado na Rua da Mesquita, 6, Centro Totta, 1070-238 Lisboa.

O Encarregado de Proteção de Dados do Banco poderá ser contactado na referida morada e através do seguinte endereço de correio eletrónico: privacidade@santander.pt.

Os dados pessoais recolhidos neste fluxo destinam-se a ser tratados para a finalidade envio de comunicações comerciais e/ou informativas pelo Santander.

O fundamento jurídico deste tratamento assenta no consentimento.

Os dados pessoais serão conservados durante 5 anos, ou por prazo mais alargado, se tal for exigido por lei ou regulamento ou se a conservação for necessária para acautelar o exercício de direitos, designadamente em sede de eventuais processos judiciais, sendo posteriormente eliminados.

Assiste, ao titular dos dados pessoais, os direitos previstos no Regulamento Geral de Proteção de Dados, nomeadamente o direito de solicitar ao Banco o acesso aos dados pessoais transmitidos e que lhe digam respeito, à sua retificação e, nos casos em que a lei o permita, o direito de se opor ao tratamento, à limitação do tratamento e ao seu apagamento, direitos estes que podem ser exercidos junto do responsável pelo tratamento para os contactos indicados em cima. O titular dos dados goza ainda do direito de retirar o consentimento prestado, sem que tal comprometa a licitude dos tratamentos efetuados até então.

Ao titular dos dados assiste ainda o direito de apresentar reclamações relacionadas com o incumprimento destas obrigações à Comissão Nacional da Proteção de Dados, por correio postal, para a morada Av. D. Carlos I, 134 - 1.º, 1200-651 Lisboa, ou, por correio eletrónico, para geral@cnpd.pt (mais informações em https://www.cnpd.pt/).

Para mais informação pode consultar a nossa política de privacidade (https://www.santander.pt/politica-privacidade).