empresas

Network e networking: a rede e a prática

20 jul 2023 | 5 min de leitura

Ter uma boa rede de contactos e trabalhar essa rede é essencial para o desenvolvimento de negócios e relações. Criar essa rede, mantê-la e desenvolvê-la são passos óbvios, mas por vezes difíceis de alcançar.


Como construir uma boa rede? Vamos dar-lhe algumas dicas.

Como fazer networking e construir um bom network – o que é


Para começar, é importante perceber a diferença entre network e networking. Network é a sua rede de contactos profissionais e networking é o que faz para criar, alimentar e aumentar a sua rede.


Para que serve o networking?

  • Aumentar o número de potenciais clientes, fornecedores e parceiros
  • Aprofundar relações de confiança
  • Aumentar a sua visibilidade e reputação profissional
  • Procurar melhores oportunidades profissionais
  • Divulgar o seu negócio e ideias
  • Conhecer pessoas com histórias e origens diferentes.

 

 

Que níveis de networking existem?

  • Rede primária: composta por contactos pessoais (família e amigos)
  • Rede secundária: composta por redes de contactos mais formais (por exemplo os colegas de trabalho)
  • Rede de referência: composta pelos clientes, fornecedores e contactos profissionais que fez presencialmente e online. Pessoas de referência na área em que atuam.

 

 

Que tipos de networking existem?

Existem diferentes opiniões quanto aos tipos de networking. Existem 3 tipos que são essenciais conhecer.

 

  • Networking pessoal: aqui o foco está na divulgação de uma marca ou projetos pessoais. É mais informal e a rede de contactos é a primária e, por vezes, a secundária. Não dê menos importância a este tipo de networking. É preciso dar a mesma atenção e manter uma boa interação para que atinja os seus objetivos.
  • Networking empresarial: É útil para fortalecer a empresa e ampliar a carteira de clientes. É essencial estabelecer contactos relevantes, que tenham conhecimento e ferramentas para fazer os seus negócios prosperarem. Ajuda a aumentar a visibilidade da sua marca e projetos.
  • Networking marketing: É a construção e ativação de uma rede com o propósito de divulgar e vender produtos e serviços. Está relacionado com o network marketing.

 

Sabe o que é network marketing?

É um modelo de negócio voltado para a formação de uma estrutura que permita escalar e facilitar a expansão da empresa. Depende de distribuidores individuais que comercializam e vendem um produto ou serviço na sua rede de amigos, familiares e pessoas que conhecem ou encontram. Os distribuidores ganham dinheiro com comissões sobre os produtos ou serviços que vendem e, também, pelo recrutamento de novos profissionais. Muitas vezes, os distribuidores não são funcionários da empresa, mas trabalhadores independentes.

Geralmente são utilizadas três estratégias no network marketing:

 

  • Gerar leads, ou seja, localizar novos clientes e clientes que possam estar interessados no produto
  • Recrutamento. É o processo de adicionar clientes e parceiros de negócios à sua rede.
  • Gestão, que passa por dar formação, motivar e gerir as pessoas que foram recrutadas.

 

 

Como fazer networking? 8 dicas importantes

Comece por planear e organizar os passos que pretende dar. O bom networking é pensado, racional e organizado. Atenção que momentos mais informais e sem terem sido planeados também são momentos essenciais quando está a criar a sua rede de contactos. É tudo uma questão de equilíbrio.

 

1. Defina o seu objetivo

Pense no seu percurso profissional e defina objetivos. Que caminho pretende seguir? Como fará esse caminho? Que pessoas gostaria de incluir na sua rede?

 

2. Dê-se a conhecer

Seja em eventos online ou presenciais, o primeiro passo é participar e dar-se a conhecer. Procure cruzar-se com pessoas que partilham interesses profissionais comuns e troque contactos.

 

3. Não deixe a rede “desligar-se”

Ao criar a sua rede de contactos não se desligue. Mantenha a rede com novidades suas, procure saber mais e não se deixe cair no esquecimento. Fazer networking é manter a rede a funcionar.

 

4. Tenha uma boa apresentação sua

Prepare uma boa apresentação (não se alongue), tenha sempre resposta à pergunta “o que tem feito?”, e não seja apanhado de surpresa. Não decore o que irá dizer, seja natural, mas pense sobre este ponto com regularidade.

5. O bom networking tem 2 sentidos

A sua rede de contactos vive de trocas constantes de informação e conhecimento. Invista numa relação bilateral, frutífera, produtiva, cordial e profissional. Mantenha conversas positivas, mostre interesse pelos projetos dos seus contactos e não fale mal de outras pessoas. Agradeça sempre que alguém da sua rede de contactos o ajude ou lhe dê feedback.

 

6. Use o LinkedIn e alargue o seu network

Esta rede social é especialmente útil para fazer networking. Mantenha o seu perfil atualizado, procure contactos pertinentes nas áreas em que trabalha ou pretende trabalhar e vá interagindo com as publicações da sua rede. É uma excelente plataforma para divulgar as suas ideias e negócios. Crie conteúdos credíveis, com impacto e interessantes.

 

7. Trabalhe a linguagem corporal

Criar uma boa rede de contactos não se faz apenas online. Nas interações presenciais tenha atenção à sua postura, ao tom de voz, estabeleça contacto visual e mantenha a conversa a fluir. Não force situações e dê espaço ao diálogo. Não se esqueça de trocar contactos e manter-se ativo na sua rede.

 

8. A dica mais importante

Não desista! O caminho não é linear e nem sempre é fácil. Seja persistente e mantenha-se otimista. Arrisque!
 

 

 

 

Os conteúdos apresentados não dispensam a consulta das entidades públicas ou privadas especialistas em cada matéria.

Achou este artigo útil?

Queremos continuar a trazer-lhe artigos úteis.

Obrigado pela sua opinião!

A sua ajuda é importante.

Salto Santander

Obrigado pela sua opinião!

crédito pessoal santander Abrir conta empresas online

Abra conta negócios até 1/11

E durante 12 meses são 0€ de comissão de manutenção.

Conta negócios

Informação de tratamento de dados

O Banco Santander Totta, S.A. é o responsável pelo tratamento dos dados pessoais recolhidos.

O Banco pode ser contactado na Rua da Mesquita, 6, Centro Totta, 1070-238 Lisboa.

O Encarregado de Proteção de Dados do Banco poderá ser contactado na referida morada e através do seguinte endereço de correio eletrónico: privacidade@santander.pt.

Os dados pessoais recolhidos neste fluxo destinam-se a ser tratados para a finalidade envio de comunicações comerciais e/ou informativas pelo Santander.

O fundamento jurídico deste tratamento assenta no consentimento.

Os dados pessoais serão conservados durante 5 anos, ou por prazo mais alargado, se tal for exigido por lei ou regulamento ou se a conservação for necessária para acautelar o exercício de direitos, designadamente em sede de eventuais processos judiciais, sendo posteriormente eliminados.

Assiste, ao titular dos dados pessoais, os direitos previstos no Regulamento Geral de Proteção de Dados, nomeadamente o direito de solicitar ao Banco o acesso aos dados pessoais transmitidos e que lhe digam respeito, à sua retificação e, nos casos em que a lei o permita, o direito de se opor ao tratamento, à limitação do tratamento e ao seu apagamento, direitos estes que podem ser exercidos junto do responsável pelo tratamento para os contactos indicados em cima. O titular dos dados goza ainda do direito de retirar o consentimento prestado, sem que tal comprometa a licitude dos tratamentos efetuados até então.

Ao titular dos dados assiste ainda o direito de apresentar reclamações relacionadas com o incumprimento destas obrigações à Comissão Nacional da Proteção de Dados, por correio postal, para a morada Av. D. Carlos I, 134 - 1.º, 1200-651 Lisboa, ou, por correio eletrónico, para geral@cnpd.pt (mais informações em https://www.cnpd.pt/).

Para mais informação pode consultar a nossa política de privacidade (https://www.santander.pt/politica-privacidade).