família

Terapia de casal em Portugal: um caminho para relacionamentos saudáveis

06 dez 2023 | 3 min de leitura

A terapia de casal tem assumido um papel crucial na promoção da saúde emocional e na resolução de conflitos nas relações. Descubra algumas das técnicas utilizadas, áreas de intervenção, benefícios e a viabilidade do tratamento online.

O que é a terapia de casal

A terapia de casal é um processo terapêutico que visa melhorar a comunicação e resolver conflitos entre parceiros. É um espaço seguro onde casais podem discutir problemas, explorar sentimentos e aprender estratégias para fortalecer a relação.

 

As técnicas e áreas de intervenção são variadas, mas o objetivo é comum: ajudar o casal a criar ferramentas de comunicação e entendimento.

 

 

Benefícios da terapia de casal

 

1. Comunicação efetiva

Desenvolvimento de competências de comunicação para expressar sentimentos e necessidades de forma clara e fortalecer a compreensão mútua.

 

2. Mediação de conflitos

Identificação e resolução de conflitos através de técnicas de negociação e compromisso, evitando que se tornem fontes de tensão contínua.

 

3. Reestruturação cognitiva

Modificação de padrões de pensamento disfuncionais que contribuem para problemas na relação.

 

4. Intimidade e sexualidade

Exploração e resolução de questões relacionadas com a intimidade e vida sexual do casal. Contribuição para uma vida sexual mais saudável.

 

5. Construção de confiança

Reconstrução e reforço de laços de confiança.

 

6. Fortalecimento do vínculo

Promoção da conexão emocional e fortalecimento do vínculo entre os parceiros.

 

7. Desenvolvimento de estratégias

Desenvolvimento de estratégias para lidar com o stress e os desafios da vida quotidiana.

 

 

Quando é altura de procurar a ajuda de um terapeuta

Procurar ajuda através da terapia de casal pode ser uma decisão sábia quando:

 

  • A comunicação está comprometida, resultando em mal-entendidos frequentes
  • Conflitos recorrentes afetam negativamente a qualidade de vida do casal
  • A intimidade e a vida sexual são fontes de tensão
  • Experiência de eventos traumáticos afeta a dinâmica do relacionamento.

 

 

É possível fazer terapia de casal online em Portugal?

 

Sim, a terapia de casal online é uma opção viável em Portugal. A tecnologia permite que casais participem de sessões terapêuticas a partir do conforto das suas casas, facilitando o acesso ao suporte profissional, especialmente em situações em que a distância geográfica pode ser um obstáculo.

 

A terapia de casal é uma ferramenta valiosa para casais que enfrentam desafios nas suas relações. Com técnicas eficazes, áreas de intervenção específicas e a possibilidade de tratamento online, a terapia de casal torna-se uma ferramenta acessível e eficaz na promoção de relacionamentos saudáveis e duradouros. Saber quando procurar ajuda é o primeiro passo para a construção de um futuro mais harmonioso e feliz em conjunto.

 

 

Os conteúdos apresentados não dispensam a consulta das entidades públicas ou privadas especialistas em cada matéria.

Achou este artigo útil?

Queremos continuar a trazer-lhe artigos úteis.

Obrigado pela sua opinião!

A sua ajuda é importante.

Salto Santander

Obrigado pela sua opinião!

Informação de tratamento de dados

O Banco Santander Totta, S.A. é o responsável pelo tratamento dos dados pessoais recolhidos.

O Banco pode ser contactado na Rua da Mesquita, 6, Centro Totta, 1070-238 Lisboa.

O Encarregado de Proteção de Dados do Banco poderá ser contactado na referida morada e através do seguinte endereço de correio eletrónico: privacidade@santander.pt.

Os dados pessoais recolhidos neste fluxo destinam-se a ser tratados para a finalidade envio de comunicações comerciais e/ou informativas pelo Santander.

O fundamento jurídico deste tratamento assenta no consentimento.

Os dados pessoais serão conservados durante 5 anos, ou por prazo mais alargado, se tal for exigido por lei ou regulamento ou se a conservação for necessária para acautelar o exercício de direitos, designadamente em sede de eventuais processos judiciais, sendo posteriormente eliminados.

Assiste, ao titular dos dados pessoais, os direitos previstos no Regulamento Geral de Proteção de Dados, nomeadamente o direito de solicitar ao Banco o acesso aos dados pessoais transmitidos e que lhe digam respeito, à sua retificação e, nos casos em que a lei o permita, o direito de se opor ao tratamento, à limitação do tratamento e ao seu apagamento, direitos estes que podem ser exercidos junto do responsável pelo tratamento para os contactos indicados em cima. O titular dos dados goza ainda do direito de retirar o consentimento prestado, sem que tal comprometa a licitude dos tratamentos efetuados até então.

Ao titular dos dados assiste ainda o direito de apresentar reclamações relacionadas com o incumprimento destas obrigações à Comissão Nacional da Proteção de Dados, por correio postal, para a morada Av. D. Carlos I, 134 - 1.º, 1200-651 Lisboa, ou, por correio eletrónico, para geral@cnpd.pt (mais informações em https://www.cnpd.pt/).

Para mais informação pode consultar a nossa política de privacidade (https://www.santander.pt/politica-privacidade).