Confirming: o que é?

finanças

Confirming: o que é e como funciona

27 out 2022 | 3 min de leitura

Já ouviu falar de confirming? Saiba o que é e como pode ajudar a tesouraria da sua empresa.

Ter uma boa relação com os fornecedores é fundamental para o sucesso de uma empresa. Este vínculo deve ser alimentado e cuidado, pois pode impactar a qualidade do produto ou serviço que a sua empresa disponibiliza, assim como o preço que consegue oferecer ao mercado.

 

Além disso, pagar aos fornecedores dentro do prazo estipulado é fundamental para que se mantenham satisfeitos, o que se reflete, depois, na capacidade de negociação de preços e na prioridade que atribuem à sua empresa, em detrimento da concorrência.

 

É aqui que entra a importância do confirming - um termo que pode parecer estranho, mas que é bastante conhecido na área financeira, e que pode ajudar empresas a reduzirem os seus custos. Fique a saber o que é e como pode ajudar a sua empresa a prosperar.

 

 

O que é o confirming?

O confirming é um serviço de gestão de tesouraria disponibilizado pelas instituições financeiras, com o objetivo de facilitar o negócio entre empresas e fornecedores. De forma simples, a empresa transfere para a instituição financeira a gestão dos pagamentos aos seus fornecedores.

 

 

Como funciona o confirming

Ao fazer um contrato de confirming, a entidade financeira fica responsável por pagar as dívidas da sua empresa, adiantando o pagamento aos seus fornecedores. Funciona da seguinte forma:

 

1. Ordem de pagamento

A empresa contrata o serviço à entidade financeira e emite as ordens de pagamento de bens ou serviços ao fornecedor.

 

2. Comunicação ao fornecedor

Depois, a entidade financeira - geralmente é o banco - envia um aviso de pagamento ao fornecedor, oferecendo a possibilidade de antecipação das faturas e ficando responsável pelo pagamento.

 

3. Liquidação da ordem de pagamento

O fornecedor é notificado pelo banco sobre o aviso do pagamento e tem a opção de antecipar – ou não – os créditos. Se a resposta for positiva, a entidade financeira liquida os valores que constam nas ordens de pagamento, de acordo com as instruções recebidas.

 

4. Restituição dos fundos

O cliente deve restituir os fundos adiantados na data de vencimento.

 

 

Quais as modalidades de confirming disponíveis?

As modalidades dependem da instituição financeira com a qual a sua empresa trabalha, mas, de uma forma geral, podem distinguir-se duas formas de confirming:

 

  • Antecipação permanente. Trata-se de uma ordem permanente de antecipação de todas as faturas sobre as quais tenha dado instruções de pagamento.

 

  • Antecipação pontual. Antecipação pontual de algumas faturas, devidamente assinaladas à entidade bancária.

 

 

Quais os custos do confirming

A utilização deste serviço tem custos, nomeadamente:

 

  • Taxa de juro devida pela antecipação das faturas
  • Comissão pelo serviço de gestão de tesouraria

 

Estes custos podem ser suportados pela empresa ou pelo fornecedor, dependendo da modalidade acordada entre o banco, empresa e fornecedor.

 

 

Vantagens do confirming para empresas e fornecedores

O confirming tem benefícios para os dois lados, permitindo reduzir custos e carga administrativa da sua empresa, ao mesmo tempo que melhora a liquidez dos seus fornecedores. Assim, os benefícios deste serviço são:

 

Para empresas:

 

  • Automatização do processo de pagamento a fornecedores
  • Melhoria da capacidade de negociação de prazos de pagamento e condições de preço junto dos fornecedores
  • Minimização do risco de incumprimento
  • Melhoria da imagem da empresa junto dos fornecedores, por ser capaz de assegurar os pagamentos das faturas.

 

Para fornecedores:

  • Acesso a uma forma de financiamento simples e fácil
  • Melhoria da liquidez sem endividamento adicional
  • Redução dos custos administrativos associados a cobranças.

Ter uma boa relação com os fornecedores é fundamental para o sucesso de uma empresa. Este vínculo deve ser alimentado e cuidado, pois pode impactar a qualidade do produto ou serviço que a sua empresa disponibiliza, assim como o preço que consegue oferecer ao mercado.

 

Além disso, pagar aos fornecedores dentro do prazo estipulado é fundamental para que se mantenham satisfeitos, o que se reflete, depois, na capacidade de negociação de preços e na prioridade que atribuem à sua empresa, em detrimento da concorrência.

 

É aqui que entra a importância do confirming - um termo que pode parecer estranho, mas que é bastante conhecido na área financeira, e que pode ajudar empresas a reduzirem os seus custos. Fique a saber o que é e como pode ajudar a sua empresa a prosperar.

 

 

O que é o confirming?

O confirming é um serviço de gestão de tesouraria disponibilizado pelas instituições financeiras, com o objetivo de facilitar o negócio entre empresas e fornecedores. De forma simples, a empresa transfere para a instituição financeira a gestão dos pagamentos aos seus fornecedores.

 

 

Como funciona o confirming

Ao fazer um contrato de confirming, a entidade financeira fica responsável por pagar as dívidas da sua empresa, adiantando o pagamento aos seus fornecedores. Funciona da seguinte forma:

 

1. Ordem de pagamento

A empresa contrata o serviço à entidade financeira e emite as ordens de pagamento de bens ou serviços ao fornecedor.

 

2. Comunicação ao fornecedor

Depois, a entidade financeira - geralmente é o banco - envia um aviso de pagamento ao fornecedor, oferecendo a possibilidade de antecipação das faturas e ficando responsável pelo pagamento.

 

3. Liquidação da ordem de pagamento

O fornecedor é notificado pelo banco sobre o aviso do pagamento e tem a opção de antecipar – ou não – os créditos. Se a resposta for positiva, a entidade financeira liquida os valores que constam nas ordens de pagamento, de acordo com as instruções recebidas.

 

4. Restituição dos fundos

O cliente deve restituir os fundos adiantados na data de vencimento.

 

 

Quais as modalidades de confirming disponíveis?

As modalidades dependem da instituição financeira com a qual a sua empresa trabalha, mas, de uma forma geral, podem distinguir-se duas formas de confirming:

 

  • Antecipação permanente. Trata-se de uma ordem permanente de antecipação de todas as faturas sobre as quais tenha dado instruções de pagamento.

 

  • Antecipação pontual. Antecipação pontual de algumas faturas, devidamente assinaladas à entidade bancária.

 

 

Quais os custos do confirming

A utilização deste serviço tem custos, nomeadamente:

 

  • Taxa de juro devida pela antecipação das faturas
  • Comissão pelo serviço de gestão de tesouraria

 

Estes custos podem ser suportados pela empresa ou pelo fornecedor, dependendo da modalidade acordada entre o banco, empresa e fornecedor.

 

 

Vantagens do confirming para empresas e fornecedores

O confirming tem benefícios para os dois lados, permitindo reduzir custos e carga administrativa da sua empresa, ao mesmo tempo que melhora a liquidez dos seus fornecedores. Assim, os benefícios deste serviço são:

 

Para empresas:

 

  • Automatização do processo de pagamento a fornecedores
  • Melhoria da capacidade de negociação de prazos de pagamento e condições de preço junto dos fornecedores
  • Minimização do risco de incumprimento
  • Melhoria da imagem da empresa junto dos fornecedores, por ser capaz de assegurar os pagamentos das faturas.

 

Para fornecedores:

  • Acesso a uma forma de financiamento simples e fácil
  • Melhoria da liquidez sem endividamento adicional
  • Redução dos custos administrativos associados a cobranças.

 

 

 

Os conteúdos apresentados não dispensam a consulta das entidades públicas ou privadas especialistas em cada matéria.

Achou este artigo útil?

Queremos continuar a trazer-lhe artigos úteis.

Obrigado pela sua opinião!

A sua ajuda é importante.

Salto Santander

Obrigado pela sua opinião!

Informação de tratamento de dados

O Banco Santander Totta, S.A. é o responsável pelo tratamento dos dados pessoais recolhidos.

O Banco pode ser contactado na Rua da Mesquita, 6, Centro Totta, 1070-238 Lisboa.

O Encarregado de Proteção de Dados do Banco poderá ser contactado na referida morada e através do seguinte endereço de correio eletrónico: privacidade@santander.pt.

Os dados pessoais recolhidos neste fluxo destinam-se a ser tratados para a finalidade envio de comunicações comerciais e/ou informativas pelo Santander.

O fundamento jurídico deste tratamento assenta no consentimento.

Os dados pessoais serão conservados durante 5 anos, ou por prazo mais alargado, se tal for exigido por lei ou regulamento ou se a conservação for necessária para acautelar o exercício de direitos, designadamente em sede de eventuais processos judiciais, sendo posteriormente eliminados.

Assiste, ao titular dos dados pessoais, os direitos previstos no Regulamento Geral de Proteção de Dados, nomeadamente o direito de solicitar ao Banco o acesso aos dados pessoais transmitidos e que lhe digam respeito, à sua retificação e, nos casos em que a lei o permita, o direito de se opor ao tratamento, à limitação do tratamento e ao seu apagamento, direitos estes que podem ser exercidos junto do responsável pelo tratamento para os contactos indicados em cima. O titular dos dados goza ainda do direito de retirar o consentimento prestado, sem que tal comprometa a licitude dos tratamentos efetuados até então.

Ao titular dos dados assiste ainda o direito de apresentar reclamações relacionadas com o incumprimento destas obrigações à Comissão Nacional da Proteção de Dados, por correio postal, para a morada Av. D. Carlos I, 134 - 1.º, 1200-651 Lisboa, ou, por correio eletrónico, para geral@cnpd.pt (mais informações em https://www.cnpd.pt/).

Para mais informação pode consultar a nossa política de privacidade (https://www.santander.pt/politica-privacidade).